Imagine if you can…

“You may say I am a dreamer

But I am not the only

I hope some day you will join us

And the World will live as one”

Trecho música Imagine, de John Lennon

 

Meu pai sempre foi um grande fan de John Lennon, e cresci escutando The Beatles e viajando no Yellow Submarine, brincando em Strawberry Fields, sendo So Happy Together. A princípio, quando eu ainda não falava inglês, era apenas o ritmo que me interessava. Os anos foram passando e fui descobrindo aqui e ali mensagens além do balanço de Twist and Shout. In my life eu descobri que Money can’t buy me love, e as experiências de que falavam e as mensagens que transmitiam faziam sentido, e valiam à pena serem cantadas. Eu cresci, e o mundo ficou pequeno, comprei um Ticket to Ride para a Nova Zelândia e depois para a França. Eu fazia planos, que nem sempre iam como eu esperava, mas eu não conseguia simplesmente Let it Be. Achei pessoas que Stand by me, outras que assim como Black Bird eu vi partir. No fim, percebi que Imagine é sempre uma boa atividade, mas não basta. Eu não tenho o dom de escrever canções, mas agradeço simplesmente por poder ouvir.

With a little help from my friends…

Anúncios